quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Homenagem do esporte ao artista plástico Zeméco (Notícia na Rádio Cultura Riograndina)




A imagem acima trata-se de homenagem que o artista plástico Zeméco recebeu da Secretaria de Esportes e Turismo de São José do Norte, dando o nome do artista a 1ª Copa Beach Soccer José Américo Roig, na praia do Mar Grosso.
Vejam abaixo íntegra da notícia e link para a mesma:

SJNorte - Noite de finais na Copa Beach Soccer

Publicado 20/02/2015

Um duelo de Titãs está marcado para a noite de sexta-feira (20), na beira da praia do Mar Grosso. A partir das 20h e 30min, a elite do futebol de areia de São José do Norte irá travar um dos mais espetaculares confrontos já vistos no encerramento da I Copa Beach Soccer, em homenagem ao artista plástico José Américo Roig (Zeméco), promovida pela Secretaria Municipal de Turismo e Promoções (SMTP) dentro da programação Verão Alto Astral.

Às 20h, antes dos jogos que decidem as categorias sub-15, sub-40 e Livre, haverá uma cerimônia por reconhecimento à obra de Zeméco, com a participação dos familiares do artista, para toda comunidade nortense. Ao final de cada confronto, será entregue o troféu para o time campeão da respectiva categoria.

BREVE HISTÓRIA DE ZEMÉCO

José Américo Roig

O pintor nasceu em São José do Norte, em 20 de julho de 1934, e cresceu desenhando heróis de revistas em quadrinhos, criando outros e inventando histórias. Ainda menino, enviou suas criações para o Rio de Janeiro, onde todas foram publicadas na revista de quadrinhos Aí Mocinho.

Aos 15 anos, começou a pintar letreiros em barcos e paredes, passou a trabalhar também com pintura de cartazes de filmes para o cinema, onde trabalhou por mais de 10 anos como operador. Também fazia decorações de rua para carnaval e outras festividades.

Sua primeira exposição foi em 1961, no salão paroquial da Igreja Matriz São José, a convite do Padre Onofrio Sciffo, tendo como inspiração a arquitetura colonial, a pesca artesanal e suas recordações de infância.

Ainda na adolescência, buscou realizar o sonho de voar. Construiu então, asas de papel, com armação de madeira e dobradiças de portas, subindo no telhado de um dos sobrados históricos do município, atirou-se ao ar. O violento tombo lhe valeu fraturas e arranhões. Durante a recuperação, encontrou na arte do desenho e da pintura a razão de sua vida. Primeiro, aprimorando o desenho, depois, descobrindo o fascínio pela cor, dando origem aos famosos quadros que fizeram sucesso pelo Brasil.

No início do sucesso namorou e casou-se com Hildette Klaes Roig, com quem teve quatro filhos. Mais tarde, mudou-se com a família para Porto Alegre, indo trabalhar como montador de espaços em lojas de ambientes, onde seus quadros eram usados na decoração; disputados, superavam as vendas da loja.

Com problemas de visão, Zeméco resolveu voltar a São José do Norte, continuando o trabalho artístico, voltado ao acervo arquitetônico, às praias e aos costumes do povo. José Américo Roig faleceu em 29 de março de 2011, aos 76 anos, devido a problemas cardíacos e pulmonares.

Fonte: Rádio Cultura Riograndina

http://www.radioculturariograndina.com.br/noticia/sjnorte---noite-de-finais-na-copa-beach-soccer-7c674342-32c2-4f4a-937b-82b3cc2717bd

Nenhum comentário:

Postar um comentário