quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

O navio encalhado


O litoral do extremo sul do Rio Grande do Sul está repleto de histórias de naufrágio, e na história de São José do Norte já ocorreram vários. Um dos mais famosos é o do navio Minghai, que o artista plástico José Américo Roig, o Zeméco, capturou para a eternidade através de seu olhar e sua arte. No detalhe acima, vida e arte se fundem e se confundem. Um navio encalhado na tela segurada por Zeméco e o outro na paisagem. Está foto já é clássica (tirada pelo seu filho Sérgio), sendo reproduzida em diversas reportagens sobre o pintor.

Zeméco e esposa


Acima, foto recente de José Américo Roig, o Zeméco, com sua esposa, profª. Hildette, em sua residência, na praia do Mar Grosso, em São José do Norte - RS - Brasil.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

Figueira


Acima, o motivo intitulado "Figueira", pintado por Zeméco na técnica óleo sobre tela (em outro formato), pertencente ao acervo do próprio autor. Para ver melhor os detalhes da pintura, basta clicar duas vezes sobre a mesma.

Pôr-do-sol na Lagoa (noutro formato)


Acima, o conhecido motivo "Pôr-do-sol na Lagoa", pintado por Zeméco na técnica óleo sobre tela (em outro formato), pertencente ao acervo do próprio autor. Contato com o artista plástico nortense, podem ser feitos através dos fones: (53)9977-1150 ou (53)9965-3156. Aqueles que deixarem recados neste blog, serão todos repassados ao artista, que sempre fica motivado pelos comentários.

Vista de São José do Norte II


Novo motivo, pintado em 2008, em que Zeméco retrata a sua cidade natal, São José do Norte - RS - Brasil.

Zeméco chegando em casa




José Américo Roig, o Zeméco, artista plástico nortense, fotografado no sábado, dia 9/2, quando chegava em sua casa, na praia do Mar Grosso, em São José do Norte, RS, Brasil.

domingo, 10 de fevereiro de 2008

Pôr-do-sol na Lagoa (novo)


Motivo acima, de autoria de José Américo Roig, o Zeméco, intitulada Pôr-do-sol na lagoa, pintura a óleo sobre lajota. Cenário de cartão-postal, visto todo entardecer na Laguna dos Patos, em São José do Norte, Rio Grande do Sul, Brasil.

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

Antiga hidroviária de São José do Norte


Imagem acima, detalhe de quadro de Zeméco, referente a antiga hidroviária de São José do Norte (prédio verde, de porta e duas janelas). Ali havia um pequeno cais, também chamado trapiche, em que as lanchas atracavam para carga e descarga de passageiros e produtos diversos.
Para ver melhor os detalhes do quadro, basta clicar duas vezes em cima da foto.